Visite nossa loja

Clique Aqui

Bebida alcoólica e a saúde da mulher

0

Como trato de câncer de mama há mais de 12 anos, estudo muito os fatores de risco. Um deles é o consumo de álcool, que sempre deve ser visto como um dos grandes problemas. Muitas mulheres começam a beber, mesmo que uma taça de vinho diariamente, mas chegam nos finais de semana, acabam exagerando. Aí mora o perigo! De uma taça para muitas é um passo. Portanto, meninas, não exagerem no vinhozinho, que pode acabar em câncer de mama. Infelizmente, esta é a realidade!

A renomada instituição norte-americana,  American Cancer Society, alerta que o consumo de álcool está ligado a um maior risco de tumores de mama,  colorretal, entre outros.  Por esse motivo, os médicos orientam ingerir bebidas alcoólicas com moderação.

Câncer de Mama

Um estudo publicado em novembro de 2016, pelo Journal of the American Medical Association, relata que pesquisadores descobriram novas evidências que ligam níveis ainda mais baixos de consumo de álcool a um aumento no risco de câncer de mama. Três a seis copos de vinho por semana já é o suficiente para aumentar ligeiramente este risco. As pesquisas também mostram que as mulheres que ingerem de dois a cinco drinques de bebidas alcoólicas ao dia têm maior risco de desenvolver o câncer de mama, quando comparadas àquelas que tomam com moderação ou ainda não ingerem nada.

Ainda não se sabe por que o álcool eleva o risco, nem as razões que as mulheres são mais vulneráveis do que os homens, mas limitar o consumo é importante principalmente para mulheres que têm outros fatores de risco para este tumor, como por exemplo as que têm histórico  familiar.

 

Compartilhar.

Deixar um comentário