Visite nossa loja

Clique Aqui

Estudante cria app que promete ajudar pacientes com câncer

0

O aluno de biologia César Filho, de 26 anos, desenvolveu um aplicativo que ajuda pacientes com câncer a monitorar a doença. A ideia surgiu após ele acompanhar de perto o tratamento do tumor de colo de útero enfrentado pela mãe.

O aplicativo, que recebeu o nome de WeCancer, foi lançado em 2016 com o intuito de facilitar a rotina de pessoas com a doença. A tecnologia permite que a paciente reporte, diariamente, como ela se sente: se teve falta de ar, alguma complicação, enjôos, por quantas horas dormiu e se houve alguma melhora. O aplicativo transforma estas informações em gráficos e análises.

Além disso, uma outra plataforma foi desenvolvida para os oncologistas, o OncoMD, que possibilita o acesso dos médicos aos dados registrados pelas pacientes desde a última consulta.

O aplicativo é gratuito e terá uma nova versão lançada ainda este mês. César Filho conta que tem o objetivo de atingir 1 milhão de pacientes.

O WeCancer foi testado na Fundação Cristiano Varella, em Minas Gerais, mesmo hospital em que a mãe do estudante foi tratada. Antes disso, César filho disputou uma competição de start-up, garantiu um segundo lugar e ganhou uma bolsa de estudo para um curso de empreendedorismo na Califórnia. No mês que vem, o projeto será apresentado no maior congresso de medicina baseada em evidências, na África do Sul.

Compartilhar.

Deixar um comentário