Visite nossa loja

Clique Aqui

OMS acredita que o movimento antivacina é um risco à saúde mundial

0

Segundo a Organização Mundial da Saúde, o movimento antivacina está entre as 10 piores ameaças à saúde mundial em 2019. No Brasil, esse comportamento tem sido muito observado, tendo em vista que em 2017, o país registrou o menor índice de crianças vacinadas nos últimos 16 anos. Esse retrocesso compromete o processo de erradicação de diversas doenças ao redor do mundo, além de colocar em risco a vida de muita gente.

O Instituto Arte de Viver Bem incentiva a vacinação em todas as idades, inclusive, essa prática pode evitar doenças como o câncer de colo de útero, o terceiro mais comum entre as mulheres no mundo.

Janeiro é o mês de conscientização do câncer de colo de útero. A doença pode ser evitada através da vacina do HPV, aplicada gratuitamente em meninas de 9 a 14 anos e em meninos de 11 a 14.

 

Compartilhar.

Deixar um comentário